Divulgação. © Takara Tomy

Enquanto no Brasil a marca Beyblade anda desparecida, na Europa ela continua sendo trabalhada pelas empresas locais. Em Portugal, o canal Biggs anunciou que a partir do mês de maio começará a exibir Beyblade Burst, mais recente anime da franquia lançado em abril de 2016 no Japão. A estreia acontece no dia 1º de maio, às 8h (reprise às 18h30), de segunda a sexta.

Atualmente nas mãos da Hasbro, Beyblade Burst conta com um total de 51 episódios. Na América Latina o título conta com distribuição da Televix, mas nenhum canal demonstrou interesse. Este ano, o anime ganhou um novo arco intitulado Beyblade Burst God.

*Agradecimentos ao leitor Marcelo Couto.

  • Agora só consigo ter expectativas na PlayTV em exibir essa série, se a mesma conseguir um acordo com a Televix para voltar a exibir Bleach e Naruto.

    De resto é isso mesmo. Enquanto em Portugal os animes infantis são bem destacados, aqui no Brasil quase nenhum canal pensa em comprá-los, seja por preconceito com séries japonesas (né, Gloob?) ou por não querer “gastar muito”, por mais que esse tipo de desenho rendesse muito marketing com brinquedos xd

    • Pégaso

      O único jeito de ter animes em tv aberta é fazer igual a igrejas/games por telefone que é comprar horários na redes, aliás, no japão as produtoras compram horários para exibir seus animes, por isso várias séries são transmitidas em vários canais e horários.

      • Infelizmente por aqui é totalmente o contrário. Os canais é que têm que pagar para pôr animes na sua programação. O lucro vai pela publicidade mesmo.

        • Luana Lordelo

          O Gloob é como os outros canais atuais, querem deixar de passar animes pelo ´´público alvo´´, nem em animações brasileiras eles estão investindo mais, só em CGI de baixa qualidade e séries 2D europeias.

        • Edmar Filho

          Publicidade que até pouco tempo era restrita, agora é só um preconceito besta desses canais abertos lixosos mesmo.

    • ❀ 宮古中川 ❀

      Não engano RedeTV/TV Kids tinham contato da Televix,né? Agora,diretor confirmou TV Kids irá voltar deste ano e só não falou data de estreia…

      • O chato é que os noticiários sempre ficavam falando que “TV Kids volta daqui uns meses” e nada. Só vai dar pra acreditar nisso no dia que começarem a passar comerciais por lá, e a última vez que isso aconteceu, o programa tava na sua pior fase: dois palhaços como apresentadores e só desenhos trash da Video Brinquedo.

        • ❀ 宮古中川 ❀

          Nem fale dois palhaços como apresentadores,foi causa justamente mudança de diretor vem afetando desde 2015. Agora antigo diretor está volta pra investir TV Kids,RedeTV adquiriu bastante animações de 2015 e só falta pra TV Kids exibir…

          • Só espero que não tenham perdido os direitos de todas essas animações com o tempo…

          • Os direitos de exibição das animações veiculadas de 2008 a 2013 certamente já expiraram.
            O que ela deve ter de 2014 em diante talvez ainda esteja apto a ser exibido, embora o que tem nesse pacote não seja exatamente animador, considerando que animações do tipo de As Tartarugas Ninja [2003] e Planeta Hulk façam parte desse pacote.

      • Celso

        Os planos mudaram certamente quando tomaram a decisão de botar o João Kléber antes do RedeTV! News.
        Mas como a audiência não está colaborando, um retorno do TV Kids ainda em 2017 não está descartado.

  • Kaio Honorato Rodrigues

    Se eu tivesse um canal infanto-juvenil aberto, com certeza adquiria esse anime e colocaria em horário nobre!

    • Tyrion Lannister

      No Brasil, tem e já teve animes em horário nobre e nunca deu em nada…

      No começo dos anos 2000, Slayers foi exibido as 21:00 de segunda a sexta.

      Em 2006-2007, a PlayTV, na época canal de UHF, tinha Cavaleiros do Zodíaco e Yu Yu Hakusho às 19:00, além de Ranma 1/2, Trigun, Love Hina e Samurai Champloo às 23:00, além de Desert Punk legendado às 23:30 na MTV.

      Hoje temos Cavaleiros e Dragon Ball Z às 20:00 na Rede Brasil e Yokai Watch entre 19:30 e 20:00 na Disney XD.

      • Kaio Honorato Rodrigues

        como assim não deu em nada?

        • Simples: a audiência não correspondeu às expectativas.

          • Kaio Honorato Rodrigues

            e qual horário você me sugeria?

          • Você já reparou que o problema está longe de ser majoritariamente o horário, embora se passasse às 18h era melhor.
            Tem que ter [boa] divulgação (de preferência, de forma criativa), tem que estar na boca do povo (mas quando digo na boca do povo, não digo na boca dos fãs e dos sites e fóruns especializados, digo POVO mesmo! Aliás, o canal precisa mirar aquele produto pra todo mundo, não apenas pros fãs, saudosistas e otakus da vida). E o canal precisa ter boa cobertura, que pegue até no Acre (é zoeira, calma! hehehe). E tem que exibir do jeito certo, ou seja, nada de cortes e interrupções bruscas e estratégias equivocadas. O telespectador tem que sentir que o canal não está exibindo aquilo de qualquer jeito, como se fosse um tapa-buraco. Senão, esquece.
            Se bem que quando o canal não tem boa reputação, tudo isso pode acabar nem adiantando.
            A verdade é que se o canal não “tiver nome”, pode estar sendo exibido o anime “pica das galaxias”, que a audiência nunca irá corresponder (é o caso da Rede Brasil, por exemplo).

          • Kaio Honorato Rodrigues

            Muito Obrigado, viu?

          • claudio

            Tipo propagandas da RBTV dos animes e outras programações nas ruas em outdor, ponto de onibus, metrô e adsences em sites de blogs, facebook, you tube, CR e etc… só assim pra está na boca do povo e tu acha vai aumenta a audiência de CDZ e DBZ. Em evita esse dinheiro gasto em anuncios da RBTV nesses locais , e em troca poderia dá premios as seus telespectadores comentados em facebook oficial da emissora em saber codigo da senha que forma a palavra mostrado na tela da tv e ditos os horarios que exibiu a ultima letra que forma a fala do personagem, e só assim pra acontecer na pratica em querer muito ibope e retorno que pode acontecer em qualquer grande, media e pequena tais redes de televisões.

          • (seu comentário está um pouco confuso, acho que você não conseguiu transmitir bem a sua ideia em palavras, mas vamos lá!)
            E você acabou dando uma ideia criativa (pelo menos até certo ponto), algo que comentei sobre o que a RBTV poderia fazer.
            Mas ainda assim não resolveria o problema de forma eficaz, porque o foco da exibição desses animes é equivocado, já que claramente se percebe que eles não tem a intenção de atingir uma nova geração de telespectadores, e sim o mesmo público que já conhece e já está cansado de ver os dois animes, de tão “batidos” que são. É isso é a filosofia do canal: atingir um público saudosista. Por isso, dificilmente alguém da nova geração vai se interessar em ver os dois animes nesse canal. É diferente se os mesmos animes estivessem sendo exibidos no SBT ou na RedeTV!
            O que eu quero dizer é que a Rede Brasil pode gastar milhões com propaganda que a sua audiência dificilmente vai chegar a 1 ponto com esses animes, porque a estratégia dela com eles é equivocada. E vale ressaltar ainda que existe sim uma indisposição do público com esse canal, seja pela exibição de “coisas velhas”, seja pelo conteúdo brega ou ainda pela repercussão negativa das atrações que ela exibe ou já exibiu ilegalmente.

  • Gonçalo Afonso

    Surpreendido pelo Biggs, o canal que cancelou Sailor Moon Crystal III a 5 episódios do fim devido à controvérsia pela censura, ter voltado a apostar em anime com Saint Seiya Omega e agora Beyblade Burst. Com sorte isso pode ser um sinal para o retorno de One Piece e de Sailor Moon Crystal.

    • Celso

      E ainda assim os portugueses estão no lucro.
      Aqui no Brasil temos que se contentar com a reprise de animes batidos em canais inexpressivos (PlayTV e Rede Brasil de Televisão) e a exibição de poucos animes novos na TV Paga (Pokémon e Yo-kai Watch, por exemplo).

  • João Carlos

    Invejinha…

  • Kaio Honorato Rodrigues

    Por que isso não me surpreende? Aqui no Brasil, infelizmente não vai entrar anime, enquanto essas maldições do Gloob, Dora a aventureira, Peppa Pig, Trip & Troop (que eu não suporto), Galinha Pintadinha, etc. e principalmente essa bosta do Politicamente Correto estiverem no poder. Pena que essa geração atual nunca vai saber o que é ter uma infância de verdade! [:(
    Tudo culpa dessa maldita da Globo por colocar o lixo do “Encontro com Fátima Bernardes” e principalmente esse cocô do “É de Casa”! }:(

    • ❀ 宮古中川 ❀

      Esqueceu o Globo só ter tirado TV Globinho na ar de TV Aberta e colocar Gloob na ar de TV Paga,nem crianças tem condições pra ter TV Paga. Os canais de TV Aberta não investiram programação há 5 anos…

      • Kaio Honorato Rodrigues

        Eu sei disso!

    • É! O fim da “TV Globinho” mudou bastante a realidade das animações japonesas na TV brasileira, já que esse bloco era o responsável por apresentar diversos deles ao público em geral (que é o que importa).
      Mas o desinteresse do SBT por animes, o desinteresse da Record com animações que não sejam Pica-Pau e A Era do Gelo (embora tenha perdido o filme 4 e o especial de páscoa pra Globo), o descompromisso da Band com enlatados e a teimosia da RedeTV! em não voltar com o TV Kids também não podem ser ignorados nessa diminuição maciça de conteúdo nipônico na TV Aberta.
      E na TV fechada não está muito melhor, já que contar com Rede Brasil, PlayTV, Cartoon Network e Disney XD não vem significando tanta coisa quanto parece.

  • Dark Leon

    Aqui no Brasil dependemos dá boa vontade de DisneyXD em querer exibir Beyblade Shogun Steel e Beyraders se tivermos muita sorte para esta série mais atual chegar por aqui… Infelizmente isso deva demorar bastante….A minha esperança é que a Netflix de a louca e coloque todas as temporadas faltantes junto com Shogun Steel no catálogo creio que seja mais fácil que esperar a boa vontade do DisneyXD….

  • Dark Leon

    Gente Beyblade nao e um anime violento, poderia ser exibido em qualquer canal da tv sem problema algum hoje em dia no caso a inédita Beyblade Metal Fusion , anime com ótimo potencial na tv aberta….Queria entender por que a serie foi esquecida aqui no Brasil pelo DisneyXD sendo que poderia ser exibido junto com Youkai Watch a tardinha ficaria perfeito.

    • Luana Lordelo

      Beyblade é reprisado de manhã no Disney XD, mas acho que é o Beyblade Metal Fury.

  • Louiz

    Eu achei que com Beyblade Metal Fury sendo reprisado pelo Disney XD, eles iam exibir esse novo anime. Que pena, por isso que ninguém mais se lembra desse canal…