Divulgação. © The Pokémon Company / Niantic

A Niantic anunciou, através do site oficial de Pokémon Go, o lançamento de mais de 80 pokémons da segunda geração, até então inéditos no jogo, e novas funcionalidades. Os monstrinhos, que são provenientes da região de Johto (dos jogos Pokémon Gold e Pokémon Silver), incluem Chikorita, Cyndaquil e Totodile, e estarão disponíveis para serem capturados ainda essa semana.

Serão disponibilizados, também, mais pokémons de tipos variados e evoluções, que trarão em conjunto novos itens necessários para evoluir certos tipos de pokémons da região de Kanto para os de Johto. Confira o trailer anunciando a novidade abaixo:

As novas adições de funcionalidades do jogo incluem mais animações para pokémons selvagens encontrados pelas ruas e interface inédita para uso de itens durante a captura. Além disso, dois novos tipos de berries estão chegando, chamados de Nanab Berries e Pinap Berries, que poderão ser obtidos em PokéStops pelo mapa. A primeira deixa os movimentos do pokémon mais lento, enquanto a segunda dobra a quantidade de candys recebidos caso a próxima tentativa de capturá-lo dê certo.

Novos avatares e roupas também serão adicionados, chapéus, calças, camisetas, e mais, que darão um novo estilo ao personagem.

  • GustavoH

    E nada de poder sugerir mais PokeStops e melhora no gerenciamento da bateria

    • Eduardo Oliveira

      Verdade, na minha opinião apesar de estarem trazendo a segunda geração o jogo continua meio cru em vários sentidos, estabilidade do app, os formatos de combate são simples de mais, ainda não existem as trocas de pokémon apesar deles estarem planejando para esse ano, as chances de você encontrar um pokémon consideravelmente raro mas tbm fraco é grande e consegue ser bem frustrante, e as PokeStops como vc disse, pois onde moro nem existem ginásios e muito menos PokeStops, no centro da cidade onde deveria ter não tem e olha que eu moro a 30 minutos de Belo Horizonte onde deveria haver um pouco mais de cuidado por ser mais ”habitado” digamos assim.

      • GustavoH

        eu larguei por isso entre outros motivos. Nao compensava jogar sendo que sequer na faculdade havia pokestop, bateria muito exigida, sem trocas, sem batalhas…

        Eu quando jogo os rpgs nunca completei a dex ate pq nunca fui um colecionador e sim treinador, ha muitas limitações ainda

  • Anarcopunk Heroi.

    Depois de um ano kkkkkk.

  • Eduardo Jose de Andrade

    Demoraram demais,pelo menos assim possa diminuir o runnergwner do pessoal (runnergwner é tipo o saudosista,se não for o primeiro do anime,filme,série,não presta,exemplos,os runnergwners de star wars,de pokémon onde só a primeira geração acham ser o suprasumo da franquia,Yu-Gi-Oh duel monsters onde acha o resto lixo mas nem viu tudo de GX,5Ds,zexal e arc v pra falar,entenderam né?) mas melhorem os combates pois só patadas ou investidas fica sem graça,acrescenta os ataques e ai sim seria interessante.

    • Chico Amaro

      Acho que você quis dizer Genwunner

      • Eduardo Jose de Andrade

        os dois termos servem,mas genwunner é mais pra jogos.

  • raas Linsen

    Parem já com esta coisa a moda acabou.

  • SaintARMOR

    Depois de uma eternidade, quando todo mundo já parou de jogar. Que maravilha.

  • Walter Francisco Júnior

    Eu até falaria que o pessoal ia começar a dar rage, falando que estragaram o jogo, que Pokémon é só 150 e tal

    Mas ninguém joga mais isso…
    Demoraram muito…