Divulgação. © Turner Europe Middle East and Africa

Divulgação. © Turner Europe Middle East and Africa

O Boomerang do Brasil começará a exibir a partir de março a série animada The Happos Family, primeira produção original feita para o canal pela Turner Europa, Oriente Médio e Africa. A primeira temporada é composta por 20 episódios, com 2 minutos de duração cada.

Na história, a família Happo (animais fictícios similares a um hipopótamo) vive em um parque de safari na Europa. Pela manhã o local é aberto aos visitantes, que passam pelos Happos tirando fotos deles mergulhando na lama, relaxando na piscina, dormindo na sombra da árvore. Mas, quando o último carro vai em bora e o parque está fechado, os Happos saem da lama, acordam da soneca, se vestem e se divertem!

The Happos Family estreia no Boomerang dia 4 de março, com exibições todos os sábados às 10h55 (reprises às 14h55).

  • Eliakim Quintino

    Cada vez mais o Boomerang está mais infantil. Má notícia pra quem curtia a fase clássica do canal, aonde séries adolescentes dominavam aquela programação.
    Me pergunto o seguinte: Estão tentando transformar o Boomerang num “Disney Júnior do Cartoon Network”? E o que motivou o Grupo Turner fazer uma mudança tão radical na programação do Boomerang?

    • João Carlos

      Ele sempre foi um Cartooon Network Junir e aquela fase adolescente foi um desastre que ninguem curtia…

      • Eliakim Quintino

        É…eu conhecia uma galera que curtia essa fase, mas eu particularmente, não assistia.

        • claudio

          O que valia daquele começo da fase teen do boomerang em 2006 era aproximadamente mais ou menos o espaço de 2 horas de animes a tarde e cartoons classicos de madrugada.

          • Eliakim Quintino

            Capaz que sim.

    • GustavoH

      Pelo contrartio colega. A fase teen do Boom foi a mais criticada e de menor audiencia que o canal teve, e olha que ela durou mais do que devia

      O objetivo original do canal era ser o que o tooncast hoje é (porem o boom é global, o tooncast so existe na america latina). Depois foi aos poucos perdendo o ar de classicos CN e deu lugar a fase teen. Após anos de reclamação o canal reformulou e virou um Mix de clássicos como os da HB e programas infantis, assim garantindo audiencia tanto infantil quando da velha guarda

      • Eliakim Quintino

        É, não deixa de ser melhor que a “Fase Teen”, que eu nem assitia.

        • Yuri Soares

          a fase mais criticada do canal foi a fase teen, cheguei a acompanhar, gosto não se discute mas nao sinto falta

  • Diego Campos

    Achei que o canal seria familiar, mas até o momento apenas o público de 2 a 10 anos tá sendo favorecido.